Sobre o impeachment da Dilma

Posted: February 12, 2015 in Outros, Política
Tags: , , , , ,

impeachment2Winston Churchill, político britânico, disse certa vez que a democracia é o pior sistema de governo, excluindo todos os outros. E, embora saibamos que a internet difundiu a informação e fundou uma nova “era”… sabemos também que a imensa maioria dos acessos se concentra em redes sociais (falando de Brasil), ausentes de pesquisas ou buscas por informações com conteúdo.

Por que estou escrevendo isso?
Fui, ou melhor, fomos bombardeados nos últimos dias por um “organizado” protesto que pretende como desfecho o impeachment da presidente Dilma. Faço questão de colar neste post um exemplo de texto divulgado (em figura) e um trecho também muito difundido, abaixo:

ATENÇÃO BRASIL
Dia 15/03/2015, domingo, nos reuniremos e sairemos as ruas de TODO O BRASIL pra pedir o IMPEACHMENT de DILMA ROUSSEFF como fizemos em 1992 com o então presidente Fernando COLLOR de melo.
Não pagaremos R$4.00 no litro da gasolina porque roubaram a Petrobras, não aceitaremos R$3.50 pra andar de ônibus ou trem, não aceitaremos aumento nos impostos já absurdos como IOF, ICMS, IPTU, IPVA e etc.. Estamos sem água graças ao Sr. Geraldo Alckmim que está no governo a 20 anos e nenhum reservatório construiu! Apenas roubaram nosso dinheiro!!! Chega dos mesmos, dia 15/03/2015 todos nas ruas pelo IMPEACHMENT!!!! Nosso protesto é pacifico, não será permitido bandeiras e camisas de partidos políticos e vândalos e black blocs serão detidos e entregues a policia pela própria população. Haverá jovens, adultos e idosos na manifestação, pedimos que todos vão de verde e amarelo como em 1992 com as cores do BRASIL e caras pintadas!!!
(trecho de texto obtido da internet)

As páginas do facebook se multiplicam e as pessoas não sabem sequer o que é o impeachment, o que é necessário para que haja o impeachment, etc…
Inclusive a maioria das propagandas em prol do protesto em Março, como o citado acima, inclui o governador Alckmin e a falta d’água em São Paulo, mas não clama pelo impeachment deste governador (que também é elegível para tal).
Me recuso a comentar as afirmações da figura, deixo-as como exemplo tosco e cômico, como piada; pois penso que o texto só pode ter sido feito de má fé.

Voltando aos argumentos do movimento pró-impeachment, há outras afirmações que pressupõe haver novo pleito e nova escolha de candidatos.
Faço questão de desmentir essa afirmação, embora saiba que os leitores deste espaço não creiam em tudo o que leem e recebem: Não! Não haverá uma nova eleição se houver impeachment; o vice Michel Temer assume e só caso este sofra também um processo (necessariamente movido pelo STF ou Senado Federal) no período de dois anos do mandato atual, serão convocadas novas eleições.
Ou seja, para que, digamos, o Aécio (ou qualquer outro) seja eleito antes de 2018, é preciso que o processo de impeachment contra a presidente Dilma seja aceito pelo Congresso, julgado e condenado por dois terços do Senado, assuma o vice-presidente, haja um processo contra ele (também aceito pelos órgãos “maiores” do país), haja também condenação de dois terços e não seja ainda 2017!

Difícil de acontecer, não?
impeachment4-450x386Não quero desanimar o pessoal do protesto “Fora Dilma”. Mesmo desconfiando do processo apartidário do movimento, eu apoio o ato, como apoio toda manifestação, sobretudo pacífica.

Mas, buscando mais informações, descobri que já foram encaminhadas ao Congresso dez denúncias de crime de responsabilidade contra a própria Dilma no primeiro mandato (resonsabilidade e improbidade administrativa são dois dos crimes passíveis de impeachment). E, antes destes, outros 34 foram apresentados contra Lula e 14 contra FHC.
Todos os 58 foram arquivados pelos presidentes do Congresso.

Na época do Collor, as denúncias entregues ao Congresso que desencadearam na renúncia e cassação do político, foram assinadas pelos presidentes da OAB e da Associação Brasileira de Imprensa; mas é interessante colocar que qualquer cidadão poderia e pode protocolar em Brasília uma denúncia de crime contra governantes e ministros, que será analisada pelo presidente do Congresso e pelos deputados, para ser levado a cabo ou não.

Utopicamente, desejo que o povo tome consciência do que quer e… se o processo não seguir adiante, dada a escolha dos representantes de Congresso e Senado; ou demorar pra ser concluído, dada a normal morosidade dos órgãos supremos da nossa democracia… que este mesmo povo engajado hoje, busque apoiar as alternativas “mais viáveis” de reformas ao invés de partir para o “quebra-quebra” e para as críticas vazias nas redes sociais.

por Celsão correto

figuras retiradas do site do catraca livre (aqui

P.S.1: Para os que querem mais informação, um jornalista fez um excelente resumo de 10 pontos sobre o impeachment (aqui). O catraca livre fez um post mais simples, mas igualmente informative (aqui)

P.S.2: Se algo não está bom pra você, ou se foi mal atendido ao contratar um serviço, proteste! Sempre! Nem que seja num site como o “reclame aqui”. É seu direito.

Comments
  1. Vanessa says:

    Eu já li tanta burrice nesses dias que quase achei ser piada. Esse trecho que você reproduziu aqui eu vi aos montes do facebook. E com erros ainda maiores, como “pedir o IMPEACHMENT de DILMA ROUSSEFF como fizemos em 1989 (!!!!) com o então presidente Fernando COLLOR de melo.”

    E as pessoas não parecem mesmo ter noção de que em caso de impeachment quem assume é o vice. Isso porque já tivemos um impeachment na história recente do país!

    Like

  2. Vanessa says:

    aos montes no facebook ***

    Like

  3. filipe says:

    muito bom!

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s